OS Vencedores

OS VENCEDORES

Parece que as provações, testes e pressões estão crescendo no Corpo de Cristo. Não sei se isso está acontecendo em geral, mas é óbvio que alguns de nossos irmãos estão enfrentando algumas circunstâncias extremas. Eu conheço pessoalmente alguns que têm sofrido perdas trágicas e grandes desastres em suas vidas pessoais. Tenho recebido pedidos de oração urgentes daqui e do exterior recentemente. Parece que o preço do ouro aumentou. Deixe-me explicar sobre esse princípio do preço do ouro.

Na mesa redonda que aconteceu recentemente em Jacksonville, Flórida, eu citei as doze promessas mais ponderosas, entre as quase cinco mil ou mais promessas encontradas na Bíblia. Essas promessas vão do acesso à árvore da vida até ser uma coluna no templo de Deus e muitas outras. Em minha opinião, elas são as maiores de todas as promessas; no entanto, tais promessas não são para a população cristã em geral, mas para aqueles “que têm ouvidos para ouvir o que o Espírito está dizendo a igreja” e aos “vencedores”. As maiores promessas são para os vencedores!

Que maneira melhor para descrever um “vencedor” senão dizendo: “Eles venceram algo”? O mundo está enlouquecido pelo espírito do anticristo. A perseguição aos cristãos é a maior de todos os tempos e milhões estão enfrentando desafios enormes. Qual a razão disso tudo e qual deveria ser nossa reação? Tudo que posso dizer é: “vença para ser um vencedor”.

Indiscutivelmente, um dos homens mais perseguidos em todos os tempos foi o apóstolo Paulo. Ele sempre foi muito claro sobre suas experiências em “cada cidade” e quando leio a lista, eu consigo ter uma melhor perspectiva da minha própria vida e, com certeza, eu não trocaria os meus problemas pelos de Paulo! Eu creio que a experiência de Paulo e revelação do propósito eterno de Deus explicam a exortação encontrada em 1 Coríntios 13:10, vamos ler:
“Não sobreveio a vocês tentação que não fosse comum aos homens. E Deus é fiel; ele não permitirá que vocês sejam tentados além do que podem suportar. Mas, quando forem tentados, ele mesmo lhes providenciará um escape, para que o possam suportar”.

Deixe-me fazer uma pequena observação aqui. Neste versículo a palavra “escape” é a palavra grega “eb-bas-is” que significa “passar por”. Deus não está nos oferecendo uma saída de emergência! Ele criou uma maneira de passarmos por circunstâncias saindo delas vitoriosos! Somos vencedores, não fugitivos. Não estamos buscando uma forma de escapar; buscamos uma forma de ser parte dessa grande companhia de vencedores que herdará todas as coisas!

O propósito de vencermos agora nessa era é nos qualificar para governar e reinar com Jesus na era futura. Os vencedores serão tomados para Deus e Seu trono para sentarem com Jesus. Será então que principados e potestades serão lançados e substituídos por aqueles achados dignos “daquela ressurreição”. Há uma ressurreição para a companhia dos vencedores que, pela fé e perseverança vencem o maligno e alcançam um lugar em Deus.

Parece que poucos cristãos percebem que há algo a alcançar nesta vida; algo melhor do que ir para o céu quando você morrer e sentar em alguma mansão lá em cima. Citando novamente o apóstolo Paulo em sua oração, “para, de alguma forma, alcançar a ressurreição dentre os mortos” (Fl 3:11). A que ressurreição ele se refere? O que ele viu que tantos cristãos não estão vendo? Já que a Bíblia fala de uma “melhor ressurreição” em Hebreus 11:35, eu concluo que se há uma melhor ressurreição, então deve haver mais de uma!

O apóstolo João viu tronos e aqueles que se assentavam nestes e que receberam o direito de jugar. Ele segue descrevendo-os e conclui com isso: “Felizes e santos os que participam da primeira ressurreição! A segunda morte não tem poder sobre eles; serão sacerdotes de Deus e de Cristo, e reinarão com ele durante mil anos”. A “primeira ressurreição”, eu realmente me pergunto do que se trata tudo isso. Apocalipse 20:4-6 nos diz que eles são os vencedores! Quem quer ser um vencedor?

O apóstolo Paulo considerou seus problemas como uma “leve aflição”. Você já leu a história dele? Você já contou a lista de obstáculos que ele teve que enfrentar em cada cidade? Eu não os chamaria de leves! Obviamente, ele viu algo em sua visita ao terceiro céu que nós ainda não vemos. Obviamente, ele sabia de uma “melhor ressurreição” que precisa ser alcançada. Obviamente, ele viu um propósito mais alto e reconheceu que o Deus Soberano do universo nunca perde o controle de qualquer situação que seus eleitos estejam enfrentando. Eu continuo afirmando que eu creio que Deus nunca vai mandar você entrar em uma luta que Ele sabe que você não poderá vencer!

Até mesmo o fato de você se encontrar em tal batalha, talvez uma batalha por sua própria vida, deveria ser prova suficiente de que Deus sabe que você tem o que é necessário para vencer. Mas, você tem que vencer! A luta é real assim como é a promessa. Eu encorajo você a elevar a sua visão e olhar a partir da sua posição celestial em Cristo. Agarre a promessa em Filipenses 4:13 “Posso (venço) todas as coisas em Cristo que me fortalece”.

Estamos em uma corrida para ganhar o prêmio, um prêmio eterno. Ganharemos coisas eternas vencendo coisas terrenas. Talvez você já me ouviu dizer: “Somos estagiários nesta vida para podermos ser chefes na próxima”. As batalhas que enfrentamos aqui são a preparação para as batalhas que enfrentaremos na era futura quando sentarmos “junto com Jesus no Seu trono governando com Ele sobre as nações da terra”. Se as nações terão que ser governadas com uma vara de ferro, então eu presumo que haverá alguma forma de resistência. O que os apóstolos viram que tantos não veem hoje?

Eu não acho que sei tudo, mas eu creio que esta vida e as batalhas que enfrentamos aqui não se comparam com a glória que será revelada em nós! Títulos terrenos, ministérios e dons espirituais um dia passarão. Quando isso acontecer, eu temo que muitos se acharão de mãos vazias! Os dons são “em parte”, mas nós somos chamados não em parte, mas em plenitude! O que você vai levar com você para a era vindoura?

Esta é uma pergunta que todos deveríamos considerar com toda sinceridade. O apóstolo Paulo enfatiza a questão que os dons espirituais têm um “até que”. Eles estão aqui “até que todos alcancemos a unidade da fé e do conhecimento do Filho de Deus, e cheguemos à maturidade, atingindo a medida da plenitude de Cristo”. Leia este versículo novamente e veja que seus testes, provações, tentações e desafios são sua oportunidade de vencer! Glória a Deus! “Todas as coisas, todas as coisas, todas as coisas operam para o bem daqueles que amam a Deus e são chamados segundo o Seu propósito” Essa pessoa é você? Você O ama? Ele chamou você para um propósito? Então, muito bem!

Ou você é um dos muitos que não têm qualquer plano ou visão para a próxima vida? Eu encorajo você a não perder de vista o eterno propósito de Deus, o qual é “Cristo em você, a esperança da glória”. Estamos aqui para ser qualificados a reis e sacerdotes ou prefiro dizer um “Sacerdócio Real”. Nosso irmão, o Rei Jesus é o primogênito entre muitos irmãos. Ele é tanto O Rei como é O Grande Sumo Sacerdote do Seu reino eterno. Este é o seu destino, meu amigo e amiga. Há algum outro chamado mais alto, uma maior honra ou privilégio ou alegria do que ser chamado para sentar ao lado do Senhor Jesus em Seu reino como um filho plenamente maduro e coerdeiro com Ele? Que maior ambição poderíamos ter além desta?

Com todo amor.
Dan Duke

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: